CIDADANIA23

PORTAL NACIONAL

Forte retração econômica derruba arrecadação de tributos federais em 7,36% quando comparado a 2015

Com recessão, arrecadação de impostos cai 4,81% em maio

Receita vê, porém, recuperação em alguns setores, como alimentos e bebidas

O Globo

Brasília – A recessão voltou a derrubar a arrecadação de impostos e contribuições federais em maio. As receitas tiveram queda real de 4,81% em relação a 2015 e somaram R$ 95,219 bilhões. Esse foi o pior desempenho para o mês desde 2010. No acumulado entre janeiro e maio, o total pago em tributos federais chegou a R$ 519,128 bilhões, o que equivale a uma redução de 7,36% sobre o ano passado. O valor também é o resultado mais baixo dos últimos sete anos. Mesmo assim, os técnicos da Receita Federal já mostram algum otimismo para os próximos meses.

O chefe do Centro de Estudos Tributários e Aduaneiros da Receita, Claudemir Malaquias, afirmou que alguns segmentos da economia, como a indústria de transformação e os setores de alimentos e bebidas, já mostram uma recuperação. Embora ela ainda não tenha reflexos sobre a arrecadação de impostos, isso indica que o Brasil pode estar próximo de um “ponto de retomada”

— A economia ainda demonstra sinais de forte retração. Alguns setores já estão se recuperando, mas isso ainda não aparece. Talvez estejamos próximos do ponto de inflexão. Do ponto de vista da arrecadação, esse ponto ainda não aparece — afirmou o técnico.

Relatório divulgado ontem pela Receita mostra que a trajetória de queda da arrecadação tem perdido fôlego desde fevereiro. Segundo o Fisco, até o segundo mês do ano, o recuo foi de 8,71%, até março, de 8,19%, até abril, de 7,91% e, até maio, de 7,36%.

Ainda segundo o relatório, a recessão continuou a prejudicar o desempenho dos principais tributos. A arrecadação do PIS/Cofins, por exemplo, apresentou queda real de 7,09% em maio e fechou o mês em R$ 21,206 bilhões. Já as receitas previdenciárias, que refletem o comportamento do mercado de trabalho, caíram 4,83%, somando R$ 30,367 bilhões. (O Globo)

Nenhum conteúdo relacionado

Deixe uma resposta