CIDADANIA23

PORTAL NACIONAL

Cristovam destaca atuação do indiano Kailash Satyarthi em favor das crianças e da educação

Prêmio Nobel da Paz é amigo pessoal do senador do PPS

O Prêmio Nobel da Paz em 2014 e ativista indiano Kailash Satyarthi, responsável pela criação da Organização Movimento para Salvar a Infância (Bachpan Bachao Andolan – Save the Childhood Movement), participou nesta terça-feira (13) de audiência pública na CE (Comissão de Educação) do Senado, evento da Semana de Ação Mundial 2017, iniciativa global de combate ao trabalho infantil e à exclusão escolar. A organização fundada por Kailash já libertou mais de 80 mil crianças indianas de diversos tipos de escravidão, ajudando também na reabilitação delas.

Amigo pessoal do senador Cristovam Buarque (PPS-DF), Kailash o elogiou por sua bandeira pela educação e sua atuação em favor das crianças. “Eu o conheço e conheço uma de suas vozes, que é uma das mais fortes, que é a causa pela educação. Estou feliz por saber que é muito atuante e vibrante pela proteção do direito das crianças neste país”, disse.

Cristovam agradeceu ao amigo e destacou cinco itens de sua fala durante a audiência pública. O primeiro é a percepção do Prêmio Nobel da Paz de que o trabalho infantil no Brasil persiste. “Eu questiono se o motivo é omissão, incompetência ou falta de prioridades. O trabalho infantil não apenas existe, como persiste” e sugeriu “criar a figura de um ‘xerife’ para enfrentar o problema e, sobretudo, a exploração sexual de crianças e adolescentes”, sugeriu.

Já o segundo aspecto destacado foi o exemplo dado por Kailash de que crianças colhem laranjas e desconhecem o gosto do suco. “Precisamos divulgar esse absurdo. Há aquelas que trabalham, sofrem acidentes e perdem dedos, olhos e não recebem atendimento médico”, lamentou.

A terceira mensagem destacada por Cristovam refere-se diretamente ao trabalho infantil. Para ele, o país é o que mais está sendo maltratado em seu futuro. “Uma criança trabalhando está sendo maltratada e está amarrando o Brasil, pois vai crescer despreparada para as ferramentas da economia do conhecimento e da sociedade que diferencia, sobretudo, o grau de educação que se tem”, explicou.

Na quarta mensagem, o parlamentar lembrou que para mudar o mundo não precisa estar em um partido ou se candidatar a nada. “Kailash é um exemplo. Nunca fez política – que eu saiba. Ele exerce a missão dele independente e com a liderança que tem. O fundamental nisso tudo é o compromisso com o que ele defende, que é o fim do trabalho infantil”, elogiou.

Por último, Cristovam destacou que a mensagem de Kailash é: “Junte-se a nós”. “Vai exigir juntar-se a nós mais recursos de cada setor. Está na hora de dizermos quem define e luta pela educação no Brasil. Temos que eliminar o trabalho infantil e isso tem que estar acompanhado de manter as crianças na escola. Por fim, precisamos colocar a finalidade como propósito e não o meio”, concluiu.

Campanha

A campanha é uma iniciativa do Kailash Satyarthi, coordenada no Brasil pela Campanha Nacional pelo Direito à Educação, com parceria temática do Fórum Nacional de Prevenção e Erradicação do Trabalho Infantil. O lançamento global aconteceu no “Laureates and Leaders for Children Summit 2016”, em Nova Delhi (Índia), em dezembro de 2016, com a presença de líderes de todo mundo. (Assessoria do Parlamentar)

Nenhum conteúdo relacionado

Deixe uma resposta