CIDADANIA23

PORTAL NACIONAL

Manual LGBTI+ propõe que imprensa troque o preconceito por informação correta

Reprodução

Objetivo da publicação é fornecer informações práticas para consultas rápidas

Portal Comunique-se

Substitua preconceito por informação correta. Essa é a proposta da Aliança Nacional LGBTI+ e da Rede GayLatino, que acabam de lançar o Manual de Comunicação LGBTI+. O material pretende colaborar com a diminuição do preconceito e melhorar o entendimento de termos que são recorrentes entre a população LGBTI+, mas que podem não ser usuais no dia a dia de profissionais e estudantes da comunicação.

Definições, conceitos e fenômenos acerca das pessoas LGBTI+ (lésbicas, gays, bissexuais, travestis, transexuais, intersexuais e outras identidades de gênero e sexualidade não contempladas na atual sigla adotada, representadas pelo “+”) são conteúdos encontrados logo no início do manual, que é resultado de um trabalho conjunto que contou com a colaboração de, aproximadamente, 300 sugestões de especialistas, militantes , ativistas e associados das organizações.

O material ainda apresenta pontos históricos envolvendo a população LGBTI+, os avanços mais recentes em termos de reconhecimento dos direitos desta população no Brasil e informa sobre o que deve ser evitado em comunicações sobre o tema LGBTI+, assim como pautas que podem ser de interesse de profissionais dessa área.

“É uma obra que procura ser sucinta e fornecer informações práticas para consultas rápidas. Não se trata de uma obra acadêmica com aprofundamento nos temas e conceitos, mas sim de uma proposta de ferramenta para o dia a dia de profissionais e estudantes de comunicação”, informam os organizadores do manual. Para promover o material, diversos lançamentos serão feitos em Brasília (16 de maio), Curitiba (21 de maio), Ponta Grossa (22 de maio), São Paulo (22 de maio) e Maceió (25 de maio).

Ainda que a agenda de lançamento esteja em andamento, os profissionais da imprensa podem ter acesso ao manual clicando aqui.

Nenhum conteúdo relacionado

Deixe uma resposta